Apenas 9% das empresas de tecnologia do Brasil se consideram transformadas digitalmente

Pesquisa da Fesa consultou 65 executivos de empresas no País e destaca que mais da metade avaliam que deixam a desejar no quesito “predisposição para experimentar e assumir riscos”.

Segundo pesquisa realizada pela consultoria Fesa com 65 executivos de empresas de tecnologia, entre elas fabricantes de software e hardware e de serviços de TI, apenas 9% considera que a transformação digital está plenamente implementada, com aplicações de negócios em todas as áreas da organização e a familiaridade do novo processo por parte dos colaboradores.

ALE planeja transformação digital para as empresas

A maior parte, 34%, já conta com algumas áreas com aplicações, mas os funcionários ainda não estão familiarizados com os novos processos. Outros 31% estão com todas as áreas com tecnologias visando a transformação digital e com a maior parte dos colaboradores já integrados. Só 1% dos executivos dizem que suas empresas não estão em processo de transformação digital.

A pesquisa ainda aponta que 51% dos executivos avaliam que suas empresas deixam a desejar no quesito “predisposição para experimentar e assumir riscos”. Algo que, para a Fesa, é revelador considerando o segmento dinâmico que é o setor de tecnologia.

Além disso, apenas 57% das empresas têm uma estratégia digital clara e coerente, mesmo com 77% afirmando que as tecnologias estão impactando amplamente o segmento de atuação em que estão.

Entre os obstáculos para se beneficiar da tecnologia, 40% dos entrevistados elencam que a falta de tempo e orçamento são os principais desafios, seguido pelas diversas prioridades de negócio concorrentes. A falta de agilidade organizacional surge em terceiro lugar, com 32%.

Ainda de acordo com a pesquisa, as empresas preferem deixar a tomada de decisão referentes à estratégia digital na mão do CEO, com 34% das respostas. Apenas 6% direcionam essa responsabilidade ao CIO.

Por fim, mesmo com parte das empresas sem ter uma estratégia definida, 91% concordam que melhorar a experiência e o engajamento do cliente faz parte dela, assim como melhorar a oferta de serviços e produtos 85%.

Os percentuais vêm de encontro com as áreas que hoje estão mais avançadas na transformação digital dentro das empresas. Segundo a pesquisa, o departamento de marketing tem a maior média, 31%, seguido por vendas (29%). Programação e TI surgem em terceiro, com 12%.

Compartilhe: