Akna

De olho no aumento de dados, Qlik lança plataforma para empresas desenvolverem BI próprio

Expansão do uso da IoT tem aumentado volume de dados que precisam virar informação. Companhia acredita que análises personalizadas podem facilitar processo.

A Qlik, especializada em análise de dados, lançou uma nova plataforma para desenvolvedores criarem aplicações orientadas a dados. A novidade, apresentada durante o Qonnections, evento anual da empresa para parceiros e clientes, utiliza o modelo associativo da empresa para o desenvolvimento de análises personalizadas.

Iteris Consultoria foca em big data, analytics e AI para desenvolver soluções de business intelligence nos clientes

Chamado de Qlik Core, o lançamento busca resolver os problemas que equipes de TI têm com o alto volume de dados, principalmente agora que a Internet das Coisas (IoT) passa a se tornar realidade. Neste cenário, a Qlik identificou a procura dos usuários por abordagens mais práticas e fáceis de usar, capazes de auxiliar no desenvolvimento mais rápido de projetos.

A partir da solução, os desenvolvedores poderão aproveitar os recursos que a Qlik oferece em suas ofertas, como o Advanced Analytics Toolbox, que disponibiliza extensões do Qlik Sense. Dessa forma, podem-se criar gráficos para análises avançadas através de ações simples como “drag and drop” (arrastar e soltar). A plataforma também permite, por meio de seu modelo associativo, conexão com ambientes de IoT, o que viabiliza escalar a captura e o acesso ao repositório de dados com mais facilidade.

Essas características potencializam o olhar dos usuários finais com relação ao cruzamento de dados, já que permite as diversas associações. Utilizando um modelo de distribuição open-source, a nova plataforma tem suporte para uso de APIs e bibliotecas de integração com projetos que vão além dos dashboards – com componentes como halyard.js, mira.js, enigma.js, enigma-go, picasso.js e after-works.js.

Compartilhe: