Akna

Empresa brasileira lança solução de videoconferência com capacidade ilimitada de usuários  

V-Presence, da Voitel, permite o uso ilimitado de salas simultâneas, sem restrição ao número de participantes na chamada.

TelepresençaO grupo Voitel, fornecedora nacional de serviços de comunicação unificada e colaboração, lançou uma solução de videoconferência que permite o uso ilimitado tanto de usuários quanto de salas simultâneas, sem restrição ao número de participantes. Chamado de V-Presence, o produto é fruto de uma parceria da companhia com a integradora Seal Telecom e utiliza a plataforma Scopia, da Avaya, com o serviço de vídeo como serviço (VaaS).

Segundo o Grupo Voitel, o diferencial da solução é justamente o número ilimitado de usuários simultâneos, já que a companhia diz que os principais serviços oferecidos no mercado brasileiro limitam até 25 participantes na mesma sala virtual, além de cobrar uma mensalidade fixa por cada usuário. Outra vantagem do V-Presence é a forma de disponibilização, como serviço na nuvem, dispensando a aquisição e gestão de equipamentos pelo cliente.

Daniela Wajman, gerente de Marketing e Produtos do Grupo Voitel, diz que a solução atende à crescente necessidade de redução de custos das empresas, que enfrentam corte nas verbas para viagens, restrições nos deslocamentos para reuniões e precisam aumentar a produtividade. A expectativa da Voitel com o lançamento é de crescimento de 30% nos negócios em 2016.

A gerente ainda comenta que a companhia oferece planos específicos para atrair empresas de pequeno e médio porte (PMEs). Segundo ela, o V-Presence pode ser contratado “por evento”, pela sessão de videoconferência ou por franquia de consumo mensal, com os preços variando de acordo com a demanda.

Por fim, a solução pode ser integrada aos dispositivos móveis e computadores dos usuários, sem a necessidade da empresa adquirir câmeras de vídeo específicas. “Outra opção é recorrer aos terminais de vídeo de última geração para salas de reunião, disponibilizados pela Voitel em sistema de locação”, explica Daniela.

Compartilhe: